A exemplo de Dylan, Neil Young vende parte de seu catálogo

Lembra que no mês passado vendeu todo seu catálogo – coisa de 600 músicas – para o Universal Music Group, por algo acima de 20 milhões de dólares?

Pois bem, agora foi a vez de Neil Young abrir mão de 50% – cerca de 1.180 músicas – de seu catálogo, vendido para o Hipgnosis Songs Fund Merck por 150 milhões de dólares.

O dono da Hipgnosis é  Merck Mercuriadis, que já foi empresário de gente com Beyoncé, Elton John, Iron Maiden e Guns ‘N’ Roses.

E não é sua primeira aquisição do gênero. São dele também os catálogos de LIndsey Buckingham, Blondie, Chic, Stevie Winwood e outros.